A história

Até o ano 2014, apenas cana-de-açúcar e coqueiros eram cultivados na Caúna. Hoje a fazenda possui grandes áreas de produção de alimentos agroecológicos, que são cultivados através do sistema de policulturas. Além disso, há artesanato local de madeira e metal. No futuro, se as circunstâncias permitirem, criaremos novos bairros, hotéis para eco-turismo e uma grande reserva natural. A ideia central é combinar diversas empresas e atividades que se protegem e se desenvolvem junto com as outras.